Varonis debuts trailblazing features for securing Salesforce. Learn More

Apresentamos a automação de privilégios mínimos para Microsoft 365, Google Drive e Box

Saiba Mais

Qual o papel da inteligência artificial (IA) na segurança cibernética

Com o aumento dos ataques cibernéticos, o uso da inteligência artificial (IA) na segurança cibernética também está crescendo.
Emilia Bertolli
4 minuto de leitura
Ultima atualização 27 de Junho de 2023
IA na segurança cibernética

Com o aumento dos ataques cibernéticos, o uso da inteligência artificial (IA) na segurança cibernética também está crescendo. Relatório da Acumen Research and Consulting afirma que o mercado global de IA deve alcançar US$ 133,8 bilhões até 2030, contra US$ 14, 9 bilhões de 2021. 

Descubra seus pontos fracos e aumente sua resiliência: Execute um Teste Grátis de Prontidão para Ransomware

A IA engloba tecnologias que analisam, aprendem e realizam ações baseadas em dados e tenta simular a inteligência humana com base em algoritmos que buscam padrões e usam esse processo para fazer previsões e descobrir tendências. E, como o trabalho de otimizar a segurança cibernética já se tornou um desafio para a equipe de segurança de TI, técnicas e ferramentas inteligentes e especializadas ganham espaço para lidar com vulnerabilidades que surgem a cada dia. 

Como a maioria das violações de segurança são causadas por erro humano, basta perceber o aumento da incidência de ataques de phishing, ao usar a IA para treinar as máquinas para imitar o comportamento humano, é possível reduzir a incidência de erros que culminam em riscos de segurança. Portanto, a inteligência artificial precisa ter a capacidade de analisar informações vindas de diversos locais, detectar ameaças e estruturar as melhores ações para responder a um incidente automaticamente. 

Ataques cibernéticos, de negação de serviços (DDoS), violações de dados e até mesmo o crescimento do trabalho remoto e híbrido são considerados fatores que levaram as empresas a focar na segurança cibernética e na adoção de soluções sofisticadas. 

Como a inteligência artificial está virando o jogo na segurança cibernética

A programação tradicional da IA envolve processos de aprendizagem, raciocínio e autocorreção que passam pela coleta de dados e criação de regras, criação do algoritmo correto para que a solução tome as melhores decisões e o refinamento dos algoritmos para tornar o desempenho da solução mais eficiente e intuitiva. 

Como a maioria das empresas busca maneiras de automatizar seus processos de negócios e focar no core business, a IA contribui para uma rápida adoção da transformação digital e torna os processos mais seguros e eficientes, protegendo as informações críticas e confidenciais da empresa, além de tornar o armazenamento de dados mais seguro. 

Como? 

  • Ao melhorar a compreensão da rede
    Como usa o aprendizado de máquina e aprendizado profundo para analisar e entender o comportamento da rede, buscando padrões e tendências, a inteligência artificial descobre lacunas que podem se tornar vulnerabilidades de segurança cibernética. 
  • Manipulação de volume de dados crescente
    O poder de análise da inteligência artificial aliada ao Big Data torna a manipulação e análise de um grande volume de dados mais fácil, o que torna a detecção de ameaças mais rápida. 
  • Detecta e elimina padrões
    Com a análise de dados, a IA é capaz de detectar padrões repetidos, o que se mostra útil para identificar as táticas de ataque de cibercriminosos. Mesmo que hackers mudem seus métodos, alguns aspectos não são modificados, o que torna o papel da IA fundamental para uma rápida resposta a incidentes. 

A inteligência artificial tem como uma de suas funções mais importantes fornecer informações atualizadas sobre diversos fatores: dados, hardware, software, comportamento do usuário e desempenho dos sistemas. Com isso, contribui para que a equipe de TI aprimore o monitoramento do sistema e implemente práticas de segurança mais eficientes e inovadoras. 

Da mesma forma, a IA consegue identificar lacunas na estratégia de segurança da empresa e permite que os profissionais de segurança tomem as medidas necessárias para reduzir riscos Ou seja, a IA torna o sistema e a estratégia de segurança mais eficaz. 

Benefícios da IA na segurança cibernética

Detectar vulnerabilidades ou comportamentos suspeitos nos sistemas estão entre os maiores desafios dos profissionais de segurança cibernética. Ao integrar ao sistema de segurança funcionalidades de inteligência artificial se torna mais fácil tomar as medidas corretas para impedir ataques. Com o sistema integrado, a equipe de TI recebe informações atualizadas em relação ao comportamento do sistema. 

Detecte ameaças recentes

Mesmo que os hackers modifiquem suas táticas de ataque, a IA consegue identificar comportamentos anormais na rede e tomar as medidas para alertar a equipe de segurança 

Bloqueie bots

Apesar de cada vez mais comuns, alguns bots podem representar uma ameaça para os sistemas da empresa. Com a inteligência artificial é possível identificar padrões de tráfego e evitar possíveis golpes. O algoritmo é capaz de identificar bots permitidos, como os rastreadores de mecanismos de pesquisa, bloqueando outros mal intencionados. 

Preveja violações

Ao monitorar possíveis vulnerabilidades, a IA ajuda a prever uma violação no sistema e melhorar a estratégia de segurança. 

Proteja endpoints

Com o crescimento do trabalho remoto e adoção de dispositivos móveis para o trabalho, o número de endpoints cresceu rapidamente, o que torna sua proteção vital para as empresas. Como detecta padrões de comportamento, uma solução de proteção de endpoint baseada em IA detecta mais facilmente atividades suspeitas. 

Hackers também se aproveitam da inteligência artificial

Apesar dos benefícios para as empresas, a IA também vem sendo utilizada por cibercriminosos para tornar seus ataques bem-sucedidos. Assim como a tecnologia permite identificar comportamentos suspeitos na rede, ela também identifica padrões em sistemas que revelam vulnerabilidades e permitem que os hackers usem essas brechas para invasões. 

Da mesma forma, quando usada para analisar informações pessoais roubadas ou informações em mídias sociais, a IA pode ser utilizada para tornar os ataques de phishing mais direcionados e convincentes. Especialistas já notaram que e-mails de phishing criados com a ajuda da IA têm maior probabilidade de serem abertos e enganar os usuários. 

A IA também pode criar assinaturas de malware que mudam constantemente para evitar que sejam detectadas por firewalls e ferramentas de detecção de invasão de perímetro. Com isso, o malware permanece no sistema coletando e enviando informações sem ser incomodado. Exatamente por isso, a adoção de um modelo de confiança zero é fundamental, pois monitora constantemente o tráfego em busca de sinais de uma possível invasão. 

Mesmo que hackers possam usar a tecnologia para tornar seus ataques mais eficientes, a inteligência artificial é fundamental para tornar os sistemas de segurança cibernética mais inteligentes e eficientes. 

A plataforma  de segurança de dados da Varonis ajuda a você encontrar seus dados confidenciais e ter certeza que apenas as pessoas certas tenham acesso às informações críticas para seu trabalho. Impeça ataques cibernéticos e ameaças internas com inteligência. Entre em contato e solicite uma demonstração gratuita. 

What you should do now

Below are three ways we can help you begin your journey to reducing data risk at your company:

  1. Schedule a demo session with us, where we can show you around, answer your questions, and help you see if Varonis is right for you.
  2. Download our free report and learn the risks associated with SaaS data exposure.
  3. Share this blog post with someone you know who'd enjoy reading it. Share it with them via email, LinkedIn, Reddit, or Facebook.
Try Varonis free.
Get a detailed data risk report based on your company’s data.
Deploys in minutes.
Keep reading
o-que-é-o-gerenciamento-de-detecção-e-resposta-de-dados-(mddr)?
O que é o Gerenciamento de Detecção e Resposta de Dados (MDDR)?
As ofertas de XDR e MDR são focadas em ameaças e criam um ponto cego em relação aos dados. O MDDR da Varonis ajuda a reduzir as ameaças complexas ao seu ativo mais valioso: os dados.
por-trás-do-rebranding-da-varonis
Por trás do rebranding da Varonis
Descubra a estratégia por trás do rebranding da Varonis, que envolveu uma transição completa para um arquétipo de herói e a introdução do Protector 22814.
o-que-é-uma-avaliação-de-risco-de-dados-e-por-que-você-deve-fazer
O que é uma avaliação de risco de dados e por que você deve fazer
A avaliação de risco dados é essencial para saber onde os dados estão armazenados, quem os utiliza e se estão em segurança 
dspm-x-cspm:-unindo-dados-e-segurança-na-nuvem-com-a-varonis
DSPM x CSPM: unindo dados e segurança na nuvem com a Varonis
Soluções DSPM e CSPM são fundamentais para que as organizações garantam que sua infraestrutura na nuvem e dados estejam seguros